FANESE mais uma vez na campanha de captação de doadores de medula óssea

Mais de quatro milhões de brasileiros são doadores de medula óssea. Em 2016, o Brasil registrou um número recorde de transplantes com doadores de fora da família, um aumento de 27% com relação a 2015, sendo o terceiro maior cadastro do mundo. Mas o Instituto Nacional de Câncer, que coordena o Registro nacional de Doadores Voluntários de Medula Óssea (Redome), lembra que a este número é pequeno ainda, sendo fundamental que a mobilização continue, vez que o número de pacientes em busca de transplante também vem crescendo. Em 2016, foram 1536 novas buscas por doadores e, em 2017, este número ascendeu para 1700, aproximadamente.

Apesar de a chance de se encontrar um doador compatível pode chegar a 64%, a possibilidade de se encontrar uma medula de doador que seja compatível com o paciente é de 1 (um) para cem mil doadores. Logo, apenas 40 pacientes, em tese, poderiam receber a doação compatível. Também existe uma lacuna na procura por doadores, relacionada à atualização dos cadastros, já que 30% dos possíveis doadores, que apresentam uma compatibilidade inicial com algum paciente, não podem ser contatados. O transplante é a única chance de vida para milhões de portadores de leucemia e de outras doenças do sangue no país. E é, até, gratificante, quando nos colocamos à disposição de ajudar o outro, que pode, às vezes, ser alguém da própria família.

Pensando na importância de sensibilizar a comunidade de nossa faculdade, o professor Ionaldo Carvalho, diretor geral, fez questão de receber a equipe da HEMOSE para mais uma campanha de mobilização junto aos alunos, professores e colaboradores técnico-administrativos. A visita às salas ocorreu entre 10 e 13 de setembro e entre 2 e 5 de outubro. A palestra de esclarecimentos, proferida pela assistente social da HEMOSE, Josceline Vieira Dantas, aconteceu no dia 11 de outubro, enquanto que a coleta foi realizada no dia 16, também deste mês. Foram 44 pessoas presentes na palestra de esclarecimentos, enquanto que 92 pessoas fizeram o teste para doação. Outros 40 alunos e 2 colaboradores já são cadastrados na HEMOSE ou na FANESE, há 5 anos.

Da HEMOSE , além de Josceline, que também é gerente de captação, estiveram atuando na coleta: enfermeiros João Batista Silva e Márcia Marinho Rocha; auxiliar de enfermeira Maria da Conceição Souza; e a assistente administrativa Vanessa Vieira Barreto. Agradecemos ao senhor Carlyle Lopes Pinto, voluntário da Captação de Doadores, com sede em São Paulo, pela distinta atenção dada a nossa faculdade. A Coordenação do curso de Direito e a ASCOM da FANESE colaboraram, também, com a logística da coleta. No próximo ano, voltaremos com a campanha.


Parceiros

Convênios

Erro no banco de dados do WordPress: [Table './fanese9/wp_wfHits' is marked as crashed and last (automatic?) repair failed]
SHOW FULL COLUMNS FROM `wp_wfHits`