O Que 茅?

Segundo o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais An铆sio Teixeira (INEP), a Avalia莽茫o Institucional 茅 um dos componentes do Sistema Nacional de Avalia莽茫o da Educa莽茫o Superior (Sinaes) e est谩 relacionada: 脿 melhoria da qualidade da educa莽茫o superior; 脿 orienta莽茫o da expans茫o de sua oferta; ao aumento permanente da sua efic谩cia institucional e efetividade acad锚mica e social; ao aprofundamento dos compromissos e responsabilidades sociais das institui莽玫es de educa莽茫o superior, por meio da valoriza莽茫o de sua miss茫o p煤blica, da promo莽茫o dos valores democr谩ticos, do respeito 脿 diferen莽a e 脿 diversidade, da afirma莽茫o da autonomia e da identidade institucional.

Ainda segundo o Instituto, a Avalia莽茫o Institucional divide-se em duas modalidades:

Autoavalia莽茫o 鈥 Coordenada pela Comiss茫o Pr贸pria de Avalia莽茫o (CPA) de cada institui莽茫o e orientada pelas diretrizes e pelo roteiro da autoavalia莽茫o institucional da CONAES, consiste num procedimento interno cujo planejamento estrat茅gico consta no Plano de Desenvolvimento Institucional (PDI), que determina que a institui莽茫o dispor谩 de uma comiss茫o pr贸pria de avalia莽茫o que, atrav茅s de reuni玫es ao longo de todos os semestres, planejar谩 os m茅todos que ser茫o utilizados para compor o processo de autoavalia莽茫o. Essa comiss茫o 茅 mais conhecida pela sua sigla: CPA.

A avalia莽茫o institucional 茅 fundamental para o desenvolvimento da FANESE e 茅 sempre revista e reelaborada, semestre a semestre, para evolu莽茫o dos seus processos e para garantia de maior efici锚ncia.

Avalia莽茫o externa 鈥 Realizada por comiss玫es designadas pelo INEP, a avalia莽茫o externa tem como refer锚ncia os padr玫es de qualidade para a educa莽茫o superior expressos nos instrumentos de avalia莽茫o e os relat贸rios das autoavalia莽玫es. O processo de avalia莽茫o externa independe de sua abordagem e se orienta por uma vis茫o multidimensional que busque integrar sua natureza formativa e de regula莽茫o, numa perspectiva de globalidade.

A legisla莽茫o federal que prev锚 a cria莽茫o e o papel da CPA 茅 a Lei do Sistema Nacional de Avalia莽茫o da Educa莽茫o Superior (SINAES), Lei n潞 10.861 de 14 de abril de 2004.

REGULAMENTO

A Comiss茫o Pr贸pria de Avalia莽茫o (CPA) 茅 regulamentada, internamente, pela Resolu莽茫o n潞 01/CAS de 14 de abril de 2008, e as suas atividades seguem os par芒metros estabelecidos pela Lei 10.861 de 14 de abril de 2004, em especial pelo artigo 11 e seguintes.

COMPOSI脟脙O

Conforme a portaria n潞 44 de 2019, a composi莽茫o da Comiss茫o Pr贸pria de Avalia莽茫o, bem como da sua secretaria executiva 茅 a seguinte:

Composi莽茫o da CPA*

Representantes dos professores: Ulisses Pereira Ribeiro (coordenador da CPA) Analice N贸brega Oliveira Bento Marcel Figueiredo Ramos

Representantes dos discentes: Ana Keyla de Jesus Barbosa Fernanda Santos Lisboa Karen Valeska Vasconcelos de Souza

Representantes dos t茅cnico-administrativos: Helaine dos Santos Ramos Jos茅 Ant么nio Santos Fran莽a L铆cia de Oliveira

Representantes da Sociedade Civil Organizada: Maria V芒nia Bandeira de Matos (Legi茫o da Boa Vontade - LBV) Rosa Maria Mateus Feitosa (Conselho Regional de Contabilidade - CRC) Sidney Vasconcelos Andrade (Conselho Regional de Administra莽茫o - CRA)
(*) Mandato dos componentes da CPA: 02 anos

Composi莽茫o da Secretaria Executiva(*)
Ulisses Pereira Ribeiro (Assessor de Qualidade); Jos茅 Paulo de Andrade (representante dos coordenadores de Curso); Solange Vieira Melo (Secret谩ria Geral da Gradua莽茫o) Larissa Ellen Freire Fortes (Secret谩ria do EAD)
(*) Mandato dos membros da Secretaria Executiva: 04 anos.

Atribui莽玫es da CPA
> Avaliar o Relat贸rio da Autoavalia莽茫o elaborado pela Secretaria Executiva; > Prestar informa莽玫es 脿 dire莽茫o geral da institui莽茫o e aos 贸rg茫os federais de avalia莽茫o do ensino superior; > Zelar pelo cumprimento do disposto no regulamento interno da FANESE e da legisla莽茫o federal concernente 脿 avalia莽茫o do ensino superior; > Acompanhar, continuadamente, a execu莽茫o do processo de avalia莽茫o do ensino superior; > Emitir parecer conclusivo sobre o desempenho institucional.

Atribui莽玫es da Secretaria Executiva
> Divulgar as atividades do processo de autoavalia莽茫o; > Elaborar o relat贸rio de autoavalia莽茫o; > Divulgar os resultados do relat贸rio de autoavalia莽茫o para CPA; > Publicar os resultados do processo de cada avalia莽茫o realizada, para comunidade acad锚mica.

Instrumentos Avaliativos
Os m茅todos de autoavalia莽茫o adotados pela FANESE dividem-se em:
> Avalia莽玫es semestrais 鈥 que incluem as avalia莽玫es docentes feitas pelos alunos, as dos coordenadores feitas pelos professores, e as dos docentes feitas pelos coordenadores; > Avalia莽茫o anual 鈥 que 茅 a avalia莽茫o da institui莽茫o feita por professores e alunos; > Pesquisas setoriais sazonais de satisfa莽茫o voltadas ao p煤blico interno; > Relat贸rios da ouvidoria e do N煤cleo de Apoio Psicopedag贸gico 鈥 que s茫o realizadas atrav茅s da elabora莽茫o de relat贸rios de periodicidade cont铆nua, de ambos os setores, para planejamento de a莽玫es a partir dos resultados.
Dessa forma, a institui莽茫o coleta os dados de que necessita para a Comiss茫o Pr贸pria de avalia莽茫o dispor de subs铆dios suficientes ao planejamento de a莽玫es de melhorias institucionais. A participa莽茫o de toda a comunidade acad锚mica 茅 imprescind铆vel a esse processo.

Nesta se莽茫o s茫o apontados avan莽os e desafios a serem enfrentados pela FANESE, por eixo tratado no Relat贸rio de Autoavalia莽茫o Institucional consolidado em 2017. Procura-se evidenciar os avan莽os pr谩ticos em rela莽茫o ao que foi programado no seu Plano de Desenvolvimento Institucional (PDI), a partir do perfil e da identidade da IES. 


EIXO 1 - PLANEJAMENTO E AVALIA脟脙O INSTITUCIONAL


Em rela莽茫o ao eixo 1, que trata do planejamento e avalia莽茫o institucional, havemos de destacar os seguintes avan莽os no tri锚nio 2015 - 2017:

鈥 Execu莽茫o total do que houvera sido programado no PDI anterior em rela莽茫o aos novos cursos de gradua莽茫o, inclusive em rela莽茫o 脿 Engenharia de Petr贸leo, que foi extinto por motivos alheios a execu莽茫o do que houvera sido programado no PDI pela institui莽茫o. Execu莽茫o parcial em rela莽茫o ao novo PDI (2016 鈥 2019) que contempla novos cursos, incluindo-se nessa execu莽茫o parcial o requerimento de credenciamento EAD para oferta dos cursos de Administra莽茫o, Tecn贸logo em Marketing e em Processos Gerenciais;
鈥 Execu莽茫o parcial do PDI em rela莽茫o aos cursos de p贸s-gradua莽茫o lato sensu;
鈥 Elabora莽茫o do plano de a莽茫o com a participa莽茫o integrada dos diversos setores da IES com vista a elabora莽茫o do pr贸ximo PDI.
鈥 Processo de autoavalia莽茫o contempla os processos propostos pelo planejamento de autoavalia莽茫o institucional que consta no PDI e que vem sendo aprimorado semestre a semestre, incluindo-se a aplica莽茫o da pesquisa de clima;
鈥 Percentual expressivo de participa莽茫o dos alunos e professores nas autoavalia莽玫es institucionais, sendo que a menor participa莽茫o dos alunos no tri锚nio foi de 32% e a de professores de aproximadamente 77%;
鈥 Comiss茫o Pr贸pria de Avalia莽茫o composta por representantes internos de 谩reas de atua莽茫o distintas, como representantes dos docentes, coordenadores e t茅cnicos administrativos, e por representantes da sociedade civil, tanto na comiss茫o quanto na sua secretaria executiva e que agora conta com representante do DCE para garantia da participa莽茫o dos alunos no processo;
鈥 Resultados das avalia莽玫es divulgados no sistema acad锚mico para professores e coordenadores, e nos murais da CPA para alunos e membros da sociedade em geral, bem como atrav茅s de relat贸rios anal铆ticos divulgados 脿 dire莽茫o e aos colaboradores da institui莽茫o, em reuni玫es realizadas por setor, e no hotsite da Comiss茫o, uma novidade implementada em 2016;
鈥 Reuni玫es entre coordena莽茫o e professor, individualmente, a respeito dos resultados das avalia莽玫es, com vista a valorizar os resultados positivos e estimular a melhoria dos resultados positivos. Substitui莽茫o de professor em casos extremos, ap贸s tentativas pr茅vias de est铆mulo a melhoria da metodologia de ensino/aprendizagem;
鈥 Reuni玫es e treinamentos pedag贸gicos semestrais, tomando como base os resultados das avalia莽玫es da CPA;
鈥 Elabora莽茫o de projeto de avalia莽茫o institucional com sustentabilidade financeira, em 2016 e 2017;
鈥 Entrega de relat贸rios semestrais ao corpo diretivo da institui莽茫o, conforme havia sido projetado no relat贸rio anterior, garantindo maior participa莽茫o da CPA nos processos decis贸rios institucionais;
鈥 Nem todas as decis玫es relacionadas a melhorias institucionais em pontos que passam pelo processo de avalia莽茫o institucional e docente eram tomadas a partir dos relat贸rios de autoavalia莽茫o, todavia a partir de 2016 a莽玫es passaram a ter influ锚ncia mais significativas desses processos, para as a莽玫es diagnosticadas;

Sobre os desafios relacionados ao planejamento e avalia莽茫o institucional, a IES destaca o seguinte:
鈥 Avan莽ar no planejamento e execu莽茫o de a莽玫es voltadas para o corpo t茅cnico-administrativo integrado ao setor de recursos humanos da IES.
鈥 Avan莽ar na integra莽茫o da p贸s-gradua莽茫o nos processos de avalia莽茫o institucional ainda incipientes, embora j谩 em fase de planejamento.

Eis, ent茫o, apresentados os avan莽os e desafios encontrados pela Faculdade de Administra莽茫o e Neg贸cios de Sergipe em rela莽茫o ao planejamento e 脿 avalia莽茫o institucional. Com os avan莽os e desafios apresentados, podemos concluir que em rela莽茫o ao planejamento e avalia莽茫o institucionais houve um n煤mero acentuado de avan莽os, com um procedimento de autoavalia莽茫o que se encontra envolvido com os setores da institui莽茫o, e com a ado莽茫o de procedimentos de viabiliza莽茫o do contato entre a Comiss茫o Pr贸pria de Avalia莽茫o e a comunidade acad锚mica.

Os desafios em rela莽茫o ao referido eixo s茫o de conhecimento dos que comp玫em o corpo administrativo e acad锚mico da IES. Por esse motivo, estrat茅gias de incremento das a莽玫es que integram o referido eixo v锚m sendo constantemente discutidas em sede de reuni玫es da CPA.

Em seguida ser茫o abordadas as potencialidades e fragilidades em rela莽茫o ao desenvolvimento institucional. 


EIXO 2: DESENVOLVIMENTO INSTITUCIONAL


Em rela莽茫o ao eixo 2, que trata do desenvolvimento institucional, abaixo se apresentam os avan莽os:

鈥 O primeiro deles se deu em rela莽茫o aos objetivos e metas do PDI, vez que o planejamento em rela莽茫o ao incremento de novos cursos e, consequentemente da infraestrutura foram atingidos completamente;
鈥 De igual modo, foi aberto processo de requerimento de credenciamento EAD para os cursos de Administra莽茫o bacharelado e para os cursos tecn贸logo em Processos Gerenciais e Marketing;
鈥 O segundo avan莽o se deu em rela莽茫o 脿 coer锚ncia entre o PDI e as pr谩ticas de extens茫o, que t锚m sido desenvolvidas tanto para implementar os processos de ensino e aprendizagem do seu p煤blico interno como foram disponibilizadas pr谩ticas para o p煤blico externo, a exemplo da capacita莽茫o dos conselheiros tutelares de mais 50 munic铆pios, e do projeto de capacita莽茫o para preenchimento do formul谩rio de Imposto de Renda da Receita Federal, que se repetiu em 2016 e em 2017;
鈥 O terceiro avan莽o se deu em rela莽茫o 脿s pr谩ticas ou pol铆ticas de incentivo 脿 pesquisa, posto que, considerando-se a coer锚ncia em rela莽茫o ao PDI, as atividades fomentadas pela institui莽茫o extrapolam incentivos, que era o que estava previsto no referido documento;
鈥 Em rela莽茫o 脿 coer锚ncia entre o PDI e as a莽玫es direcionadas 脿 diversidade, ao meio ambiente, 脿 mem贸ria cultural e ao patrim么nio cultural, bem como 脿 promo莽茫o dos direitos humanos e igualdade 茅tnico-raciais, as pr谩ticas evolu铆ram no tri锚nio analisado e atendem aos compromissos estabelecidos no PDI;
鈥 Sobre a vis茫o e a miss茫o institucionais, ambas foram atualizadas considerando a atual estrutura organizacional, suas metas e objetivos;
鈥 Melhoria nas a莽玫es de extens茫o, que em 2015 eram incipientes, agora j谩 contam com portaria de institucionaliza莽茫o de procedimentos;

Em rela莽茫o aos desafios, no tocante ao desenvolvimento institucional, a IES reconhece os seguintes:
鈥 As a莽玫es institucionais de incentivo 脿 produ莽茫o art铆stica e cultural, apesar de j谩 melhor desenvolvidas, s茫o ainda insuficientes e precisam passar por um processo de melhor planejamento para que se integrem de forma mais efetivas 脿s pr谩ticas acad锚micas;
鈥 De igual modo, a莽玫es de inclus茫o s茫o ainda incipientes, mas, diferente de 2015, j谩 h谩 previs茫o para tais pol铆ticas nos objetivos do PDI, e j谩 h谩 a莽玫es dessa natureza sendo desenvolvidas na IES, embora n茫o tenham sido normatizadas;

Eis ent茫o uma s铆ntese dos desafios e avan莽os da IES em rela莽茫o ao desenvolvimento institucional. Sobre o referido eixo, e levando em considera莽茫o as an谩lises postas a respeito, temos que a institui莽茫o apresenta mais coer锚ncias que incoer锚ncias em rela莽茫o 脿s suas pr谩ticas pedag贸gicas, de extens茫o e de incentivo a pesquisa.

Entretanto, em rela莽茫o ao desenvolvimento institucional, alguns itens precisam de particular aten莽茫o, e as a莽玫es que ser茫o tomadas para mudan莽a desse quadro ser茫o tratadas no cap铆tulo espec铆fico para esse fim. Tratados dos avan莽os e desafios da IES em rela莽茫o ao desenvolvimento institucional, passaremos a abordagem dos mesmos em rela莽茫o 脿s pol铆ticas acad锚micas. 


EIXO 3: POL脥TICAS ACAD脢MICAS


Em rela莽茫o aos avan莽os em termos de pol铆ticas acad锚micas da IES, no tri锚nio 2015 - 2017, temos:
鈥 Sobre pol铆ticas administrativas de ensino para a gradua莽茫o, em 2016 os tutores EAD passaram por treinamentos com o objetivo de capacit谩-los para a elabora莽茫o de material did谩tico, e para uniformiza莽茫o de diretrizes did谩tico-pedag贸gicas de procedimentos na webaula;
鈥 Continuidade a cess茫o das instala莽玫es e equipamentos para desenvolvimento de pesquisas fomentadas por ag锚ncias especializadas locais ou nacionais;
鈥 Manuten莽茫o das atividades da f谩brica de softwares, respons谩vel pela cria莽茫o dos softwares utilizados na institui莽茫o e pela melhoria do sistema acad锚mico, agora para inclus茫o da p贸s-gradua莽茫o e do corpo t茅cnico administrativo no sistema de avalia莽茫o;
鈥 Continuidade 脿s atividades das duas revistas com indexa莽茫o eletr么nica, a 鈥淩evista Eletr么nica da FANESE鈥, com ISSN 2317-3769 e a 鈥淩evista do Curso de Direito鈥, com ISSN 22363173;
鈥 Continuidade na dissemina莽茫o de informa莽玫es, no dom铆nio interno, com atendimentos presenciais, reuni玫es setoriais e visitas peri贸dicas 脿s salas de aula, todos feitos pela Comiss茫o Pr贸pria de Avalia莽茫o;
鈥 Continuidade na oferta dos nivelamentos de portugu锚s e de matem谩tica, bem como do atendimento do N煤cleo de Apoio Psicopedag贸gico;
鈥 Disponibiliza莽茫o de um dos audit贸rios todos os dias da semana para eventos;
鈥 Continuidade com a pol铆tica de aux铆lio financeiro aos docentes para participa莽茫o de eventos na sua 谩rea de atua莽茫o, destacando, inclusive um trabalho premiado nacionalmente em 2016;
鈥 Cria莽茫o de um setor interno exclusivamente para planejamento e execu莽茫o de eventos internos;
鈥 Institui莽茫o de uma Comiss茫o Permanente para Aprecia莽茫o e Aprova莽茫o das Propostas de Projetos Pedag贸gicos de cursos de gradua莽茫o e p贸s-gradua莽茫o lato sensu, com formaliza莽茫o de procedimentos e comiss茫o atrav茅s de portaria;
鈥 Custeio de curso de extens茫o de fun莽茫o social para capacita莽茫o de conselheiros tutelares de mais 50 munic铆pios do Estado de Sergipe;
鈥 Institucionaliza莽茫o, atrav茅s de portaria, de uma pol铆tica de acompanhamento de alunos com matr铆cula suspensa ou em situa莽茫o de abandono;
鈥 Melhoria na intera莽茫o com o egresso, com incorpora莽茫o de ex-alunos ao quadro docente institucional e com inclus茫o destes nas campanhas de vestibular, o que permitiu um mapeamento parcial de inser莽茫o destes no mercado, al茅m dos dados j谩 levantados e a莽玫es com egressos j谩 implementadas pelos coordenadores de cursos.
鈥 Determina莽茫o de an谩lise sistem谩tica e cont铆nua da atualidade da matriz curricular de cursos pelos membros do NDE;

Sobre os desafios, os seguintes requerem aten莽茫o:
鈥 As a莽玫es de incentivo a atividades art铆sticas e culturais s茫o ainda incipientes, mas j谩 houve avan莽o em rela莽茫o a 2015, ocasi茫o em que n茫o havia nenhuma pol铆tica;
鈥 Integra莽茫o mais efetiva entre as a莽玫es de pesquisa e extens茫o, da gradua莽茫o e da p贸s-gradua莽茫o, com a comunidade externa;

Sobre as pol铆ticas acad锚micas, a IES apresenta avan莽os especialmente em rela莽茫o a a莽玫es de incentivo a produ莽茫o do corpo docente e discente, bem como 脿 extens茫o e aos eventos. Entretanto, alguns desafios requerem uma aten莽茫o especial, tais como a莽玫es ainda mais efetivas de incentivo a atividades art铆sticas e culturais, bem como a integra莽茫o mais efetiva entre as a莽玫es de pesquisa e extens茫o, da gradua莽茫o e da p贸s-gradua莽茫o, com a comunidade externa. Tratados dos avan莽os e desafios da IES em rela莽茫o 脿s pol铆ticas acad锚micas, passaremos a abordagem dos mesmos em rela莽茫o 脿s pol铆ticas de gest茫o. 


EIXO 4: POL脥TICAS DE GEST脙O


Em rela莽茫o ao eixo 4, que trata das pol铆ticas de gest茫o, havemos de destacar em rela莽茫o aos avan莽os:
鈥 A IES disp玫e de pol铆tica de forma莽茫o e capacita莽茫o docente e do corpo t茅cnico administrativo;
鈥 O site da IES disponibiliza espa莽o reservado a produ莽玫es did谩ticas tanto pedag贸gicas quanto institucionais e ampliou o apoio a participa莽茫o de docentes e discentes em eventos fora do Estado, em 2016;
鈥 Altera莽茫o nos membros dos Conselhos Superiores, CAS e CEPE;
鈥 Reformula莽茫o do Regimento Geral da IES, em 2017;
鈥 Aprova莽茫o de resolu莽茫o que estabelece novas diretrizes para o funcionamento do N煤cleo de Pr谩tica Jur铆dica, em 2016;
鈥 Reformula莽茫o dos pr茅-requisitos das pr谩ticas jur铆dicas da matriz curricular do curso de Direito, em 2017;
鈥 Altera莽茫o do conte煤do da matriz curricular do curso superior de gradua莽茫o tecnol贸gica em Log铆stica, em 2017;
鈥 Realiza莽茫o de reuni玫es da CPA, para delibera莽玫es sobre processos de autoavalia莽茫o e medidas administrativas para aperfei莽oar esses processos, bem como para elabora莽茫o de um projeto de sustentabilidade financeira, em processo de execu莽茫o, com mais integra莽茫o entre os membros, incluindo uma maior participa莽茫o dos alunos atrav茅s da representa莽茫o na CPA pelo DCE;
鈥 Aperfei莽oamento no sistema para integra莽茫o da p贸s-gradua莽茫o nos processos autoavaliativos institucionais;

Sobre os desafios, os seguintes requerem aten莽茫o:
鈥 A normatiza莽茫o interna vigente que regulamenta CPA completa dez anos em 2018. Entende-se que essa normatiza莽茫o requer atualiza莽茫o, diante das novas exig锚ncias dos 贸rg茫os reguladores externos e das necessidades internas;
鈥 Necessidade melhoria na gest茫o da aplicabilidade dos planos de carreira docente e do corpo t茅cnico administrativo;
鈥 Necessidade de implementa莽茫o das instru莽玫es normativas que estabelecem procedimentos para a p贸s-gradua莽茫o em virtude das altera莽玫es recentes no procedimento de cadastro do Minist茅rio da Educa莽茫o;
鈥 Necessidade de planejamento e execu莽茫o de treinamentos voltados especificamente para os gestores da institui莽茫o a fim de promover uma melhoria no funcionamento da institui莽茫o em rela莽茫o ao seu funcionamento sist锚mico e global, especificamente no quesito comunica莽茫o e integra莽茫o.
鈥 Necessidade de a莽玫es ainda mais ativas sobre a gest茫o financeira e or莽ament谩ria da IES no sentido de minimizar a inadimpl锚ncia e a evas茫o de alunos, bem como a gest茫o de custos.

Sobre as pol铆ticas de gest茫o 茅 poss铆vel observar avan莽os significativos em 2016, especialmente com a resolu莽茫o que estabelece novas diretrizes para o funcionamento do N煤cleo de Pr谩tica Jur铆dica. Ademais, ressalte-se que uma evolu莽茫o na infraestrutura do sistema de inform谩tica est谩 em andamento para maior agilidade e integra莽茫o acad锚mico-administrativa.

N茫o obstante, alguns desafios requerem aten莽茫o especial tamb茅m em rela莽茫o 脿s pol铆ticas de gest茫o, a exemplo da reavalia莽茫o dos planos de carreira e da implementa莽茫o das instru莽玫es normativas que estabelecem procedimentos para a p贸s-gradua莽茫o, para melhor integra莽茫o desta as pol铆ticas institucionais da gradua莽茫o, conforme diretrizes atuais do Minist茅rio da Educa莽茫o. Al茅m da necessidade de atua莽茫o ainda mais ativa sobre a gest茫o financeira e or莽ament谩ria da IES, diante da conjuntura econ么mica atual que reverbera sobre o or莽amento da IES.

Tratados dos avan莽os e desafios da IES em rela莽茫o 脿s pol铆ticas de gest茫o, passaremos a abordagem dos mesmos em rela莽茫o 脿 infraestrutura f铆sica.


 EIXO 5: INFRAESTRUTURA F脥SICA


Em rela莽茫o ao eixo 5, que trata da infraestrutura f铆sica, havemos de destacar que 2015 foi um ano de muitas mudan莽as estruturais na IES, o que acarretou, naturalmente, uma desacelera莽茫o em 2016, fruto de uma diminui莽茫o proporcional das demandas. As a莽玫es voltadas para infraestrutura em 2015 subsidiaram muitas a莽玫es neste ano e implicaram numa diminui莽茫o de necessidades dessa natureza em 2016 e em 2017.

Destaque-se que, em 2015, mudan莽as extremamente importantes, ligadas, particularmente, 脿 acessibilidade e a seguran莽a da comunidade acad锚mica, foram providenciadas nas instala莽玫es administrativas da FANESE. Exemplo disso foi a adequa莽茫o do estacionamento para instala莽茫o de piso t谩til, que igualmente foi colocado nos corredores internos do pr茅dio da institui莽茫o, em seus dois blocos.

Al茅m do piso t谩til, houve melhoria na seguran莽a da IES a partir de articula莽玫es administrativas junto a Secretaria de Seguran莽a P煤blica, que serviram para aumentar o patrulhamento da regi茫o com a amplia莽茫o do n煤mero de viaturas designadas a passar pela 谩rea do entorno da FANESE. Essas articula莽玫es aumentaram o tempo de patrulhamento da pol铆cia militar do estado na 谩rea mencionada.

De igual modo, conforme j谩 posto, houve, em 2015, uma mudan莽a no fluxo do tr芒nsito que s贸 foi poss铆vel com a participa莽茫o da IES em a莽玫es de media莽茫o junto a Superintend锚ncia Municipal de Transportes e Tr芒nsito (SMTT), bem como com a compra de sem谩foros para garantir a seguran莽a do fluxo de pedestres, bem como para melhor circula莽茫o de ve铆culos, especialmente nos hor谩rios de pico. Em atendimento a reivindica莽玫es do corpo discente nas avalia莽玫es institucionais, foram ainda trocados os pisos das escadas para maior seguran莽a em dias de chuva.

Fa莽a-se constar tamb茅m no quesito investimento em infraestrutura, ainda em 2015, que a biblioteca foi equipada com novas mesas para estudo em grupo e seus servi莽os passaram por uma reformula莽茫o tecnol贸gica. O acervo de TCCs passou a ser digitalizado, constando publica莽玫es desde 2013. Al茅m disso, novos exemplares de livros s茫o adquiridos anualmente a partir das sugest玫es de professores e alunos.

Com o intuito de dar suporte aos cursos de engenharia, em especial, foram ainda criados novos laborat贸rios com recursos de simula莽茫o para engenharias, e adquirida impressora 3D para auxiliar nos projetos de ensino/aprendizagem.

Al茅m disso, novas salas foram instaladas em 2016 e 2017, implantados laborat贸rios de pr谩ticas com prancheta e de pl谩stica para os cursos de Arquitetura e Urbanismo e Engenharias, inaugurado um novo audit贸rio no terceiro andar do bloco B, onde passaram a ser realizadas as cola莽玫es de grau e os eventos institucionais e de curso da IES. Esse novo audit贸rio tem capacidade para quatro vezes mais alunos que o j谩 existente no bloco A. Al茅m disso, foram criados os espa莽os para abrigar a estrutura f铆sica da EAD FANESE (salas de coordena莽玫es e supervis玫es, gabinetes de atendimento ao estudante, esta莽玫es de trabalho para atendimento de tutores a dist芒ncia e secretaria da EAD FANESE).

Sobre os recursos de tecnologia de Informa莽茫o e Comunica莽茫o, vale destacar as melhorias de sistemas para garantir melhor aproveitamento e maior velocidade de resposta aos sistemas. Some-se a isso melhorias quanto ao acesso 脿 internet, vez que, em 2015 a IES fez um upgrade de 20MB Full duplex para 100MBs. Acrescente-se tamb茅m atualiza莽茫o de softwares e upgrade de hardwares, como: Cria莽茫o da matr铆cula online da P贸s-Gradua莽茫o; Melhorias no processo de matr铆cula online e otimiza莽玫es da Gradua莽茫o; Contrata莽茫o de 90(noventa) m谩quinas locadas para os laborat贸rios de inform谩tica; Melhorias no m贸dulo de alunos do controle acad锚mico; Implanta莽茫o da rede Wireless e integra莽茫o com a rede da institui莽茫o;

A partir de 2015, alguns avan莽os puderam ser verificados e s茫o eles:
鈥 Articula莽玫es da IES com a Secretaria de Seguran莽a P煤blica para melhoria na seguran莽a local;
鈥 Conclus茫o da constru莽茫o de novas salas de aula e de outro audit贸rio no terceiro andar do bloco B, que em 2015 estavam em fase de execu莽茫o de obras;
鈥 Manuten莽茫o na disponibiliza莽茫o de secret谩ria exclusiva para sala dos professores;
鈥 Maior utiliza莽茫o dos gabinetes de atendimento aos alunos, que atualmente s茫o utilizados inclusive por professores em regime de trabalho parcial;
鈥 A comunidade acad锚mica pode contar a partir de 2016 com elevadores nos dois blocos do campus, garantindo ainda mais condi莽玫es de acessibilidade na institui莽茫o;
鈥 Manuten莽茫o no contrato com a empresa que administra os equipamentos de laborat贸rio, garantindo a atualiza莽茫o constante desses materiais, bem como a preserva莽茫o dos mesmos;
鈥 Suporte estrutural aos novos cursos (Engenharia e Arquitetura) com a compra de mesas de desenho e lousa virtual para o curso de arquitetura, bem como estrutura莽茫o de laborat贸rios para o curso Engenharia Civil.
鈥 Mudan莽as no 芒mbito da infraestrutura nas 谩reas de atendimento aos alunos da CPA, que agora disp玫e de uma sala maior, bem como mudan莽a na composi莽茫o, com a inclus茫o do Diret贸rio Central dos Estudantes no corpo da comiss茫o.
鈥 Implanta莽茫o dos laborat贸rios de pr谩ticas com prancheta e de pl谩stica para os cursos de Arquitetura e Urbanismo e Engenharias;
鈥 Cria莽茫o dos espa莽os para abrigar a estrutura f铆sica da EAD FANESE (salas de coordena莽玫es e supervis玫es, gabinetes de atendimento ao estudante, esta莽玫es de trabalho para atendimento de tutores a dist芒ncia e secretaria da EAD FANESE);
鈥 A instala莽茫o de placas com sinaliza莽茫o em braile nas portas das salas de aula est谩 em fase de negocia莽茫o e contrata莽茫o;
鈥 Em atendimento a reinvindica莽玫es dos alunos nas avalia莽玫es institucionais, foi contratada empresa para elabora莽茫o do projeto de instala莽茫o de catracas na entrada da IES para controle do acesso de pedestres. Em fun莽茫o do or莽amento do projeto, esta a莽茫o est谩 prevista no cronograma or莽ament谩rio-financeiro da IES.

Sobre os desafios, os seguintes requerem aten莽茫o:
鈥 Constru莽茫o de canteiro de obras para atender aos cursos de engenharia, em especial ao de engenharia civil;
鈥 Transfer锚ncia do N煤cleo de Pr谩ticas Jur铆dicas para o local onde est谩 instalada a sede da Fanese.

Em rela莽茫o 脿 infraestrutura, entre os avan莽os apostados, merece destaque especial a implanta莽茫o da estrutura f铆sica da EAD, laborat贸rios para os cursos de Arquitetura e Urbanismo e Engenharias, conclus茫o da instala莽茫o de novas salas de aula no bloco B, e de outro audit贸rio no terceiro andar do bloco B. Estas duas 煤ltimas a莽玫es conclu铆das em 2016. Al茅m do mencionado, merece destaque em rela莽茫o 脿 infraestrutura, a manuten莽茫o das articula莽玫es da IES com a Secretaria de Seguran莽a P煤blica para melhoria na seguran莽a local.

O eixo de infraestrutura f铆sica conta tamb茅m com desafios que merecem aten莽茫o nos pr贸ximos anos, e a IES est谩 ciente desses e vem buscando formas vi谩veis de suplant谩-los.

Eis, ent茫o, os avan莽os e desafios encontrados pela Faculdade de Administra莽茫o e Neg贸cios de Sergipe em rela莽茫o 脿 infraestrutura f铆sica. Em seguida ser茫o abordadas as a莽玫es com base na an谩lise. 

PARCEIROS