Aniversário da Fanese: 26 anos democratizando a educação em Sergipe

Desde o primeiro bacharelado em Administração até os cursos de Engenharia, Direito e Tecnologia, a Fanese trilhou um caminho de inovação.

Fundada em dezembro de 1997, a Faculdade de Administração e Negócios de Sergipe (FANESE) completa 26 anos nesta terça-feira (19). Este aniversário acontece em meio a uma notável reestruturação do projeto institucional, com ênfase especial na promoção da democratização do ensino, um dos pilares da faculdade.

Desde o primeiro bacharelado em Administração até os cursos de Engenharia, Direito e Tecnologia, a Fanese trilhou um caminho de inovação. A oferta de cursos superiores tecnológicos e a graduação em diversas áreas destacam o compromisso com a formação abrangente e qualificada.

O reconhecimento do Ministério da Educação (MEC) com notas entre 4 e 5 pontos destaca a busca constante pela qualidade, refletindo a dedicação em proporcionar uma experiência educacional excepcional. Atualmente, a faculdade é a única do estado com nota 5 no curso de Arquitetura.

Para o Diretor da Instituição, Marcel Ramos, a Fanese fez parte da construção da sua carreira acadêmica. Antes de assumir a direção, ele foi professor e coordenador do curso de Direito.

“A Fanese é uma história de construção da minha carreira acadêmica. Tive a oportunidade de ingressar na Fanese a quase dez anos, na qualidade de professor. E naquele momento eu já tinha a percepção e a certeza de que a Fanese teria um futuro ainda muito mais promissor ao longo da sua história. Neste mês a gente completa 26 anos, e eu me considero parte dessa história”, ressaltou Ramos.

O legado que a Fanese vem construindo desde 1997 é traduzido em depoimentos de colaboradores, alunos e docentes, que são parte fundamental da faculdade. Há 17 anos colaborando com o crescimento da Fanese, o supervisor da Infraestrutura, Adriano Santos, define a faculdade como sua segunda casa.

“Eu costumo dizer que sou apaixonado pela Fanese, por tudo que ela veio me proporcionando. Hoje, sou supervisor da Infraestrutura. Lógico que a gente tem que ter mérito para poder conquistar, trabalhando com seriedade, com amor, com paixão. É aquela velha frase ‘é vestir a camisa’”.

O estudante do curso de Direito, José Everton, de 21 anos, destaca que uma das características que mais influenciaram a sua escolha pela Instituição foi testemunhar que a Fanese é comprometida com tudo aquilo que propõe.

Segundo ele, “a forma com que o curso te acolhe, te ensina tudo aquilo que você deveria aprender, mas de maneira aprofundada” fizeram a diferença.

Neste 26º aniversário, a Fanese celebra não apenas a sua história, mas também as inúmeras vidas transformadas por sua dedicação à educação de qualidade. Que venham mais anos de sucesso e impacto positivo em nosso estado!

 

Ascom Fanese


Pular para o conteúdo